Bispo alerta que pastores estão mais preocupados com microfones e multidões, e não com vidas

A essência da pregação evangelística está em anunciar Jesus Cristo como único e suficiente Salvador. Todavia, para o bispo T.D. Jakes, fundador da megaigreja The Potter’s House Church em Dallas, nos Estados Unidos, muitos pastores estão se preocupando mais com o uso do microfone do que em ganhar e cuidar de vidas para Deus.

Jakes explica que o principal testemunho do cristão não está atrás de um púlpito ou no uso do microfone, mas na relação que estabelecemos com o próximo. A falta dessa consciência tem feito alguns se preocuparem mais com os aspectos teóricos da pregação do que com a sua prática através do testemunho.

“Temos nos preocupado mais com as pregações do que ganhar almas”, disse Jakes. “Os pregadores costumavam testemunhar no supermercado, em qualquer lugar, não precisavam de um microfone, não precisavam de uma multidão”.

Para Jakes, um dos problemas relacionados a isso é a reprodução do mesmo padrão de pensamento e comportamento. Ou seja, o ouvinte erra porque já aprendeu errado. “O importante disso é que as pessoas começam a fazer o que você faz e, se você não for um ganhador de almas, pode até ensinar o que sabe, mas irá reproduzir o que você é”.

Leia mais...

Ex-gay testemunha libertação, sofre ameaças e é agredido: “Temo pela minha vida” 

A forma como a sexualidade humana é construída e vivenciada é singular. Isto significa que o destino que cada pessoa deseja dar para ela, também. No caso de Andrew Caldwell, ele escolheu seguir o que a Bíblia ensina como a vontade de Deus para todos nós, conseguindo abandonar o comportamento homossexual e hoje testemunhar como a sua vida mudou radicalmente.

Caldwell chamou atenção do público quando um vídeo com seu testemunho foi divulgado nas mídias. De lá para cá, a convicção da sua identidade sexual heterossexual apenas ganhou forma. Ele não apenas conseguiu abandonar o homossexualismo, como desenvolver atração pelo sexo oposto.

“Agora eu me sinto atraído por mulheres. Eu não me sinto mais atraído por homens. Eu estou liberto disso”, disse ele em uma entrevista recente, segundo o portal The Christian Post.

A homossexualidade em Caldwell, ao que parece, possuía raízes profundas, pois desde muito novo ele já sentia-se atraído por homens, mesmo frequentando a igreja. “Eu sempre participei da igreja”, disse ele. “Mas eu ia só para clamar a Deus e depois eu dormia com algum homem. Mas naquele dia a homossexualidade saiu de mim”.

 

 

 

Leia mais...

Pastor diz que nos odiamos “porque nos esquecemos do evangelho” em nome das diferenças

Os ânimos ficam exaltados em época de eleição. Por conta disso, muitos irmãos em Cristo se esquecem do foco principal do Evangelho e entram em disputas que no lugar de unir, terminam acentuando nossas diferenças e nos distanciando do amor cristão.

O pastor americano Mike Leake fez questão de ressaltar essa realidade em um artigo publicado em seu blog, intitulado: “Vamos ser Honestos e Admitir que Odiamos uns aos Outros”.

“Você é um democrata? Um republicano? Algo no centro? Você é um calvinista? Um arminiano? Ou algum híbrido de ambos? Você é um guerreiro da justiça social? Você é alguém que acredita que as questões de justiça social estão indo longe demais? Ou você está confuso e não tem certeza de onde você é?”, questiona Leake no início do texto.

Leia mais...

Esposa de líder cristão morre enquanto dormia: “Você não sabe quando o Senhor vai te chamar” 

Uma partida sem aviso, foi assim a morte da esposa do escritor, palestrante e diretor executivo do ministério de rádio cristão The Urban Alternative, Jonathan Pitts. Ela faleceu enquanto dormia em sua casa, com apenas 38 anos, deixando quatro filhas, esposo e familiares desolados.

Apesar disso, Pitts encontrou em Deus a certeza de que a vida da esposa estava nas suas mãos, já que ela passou a vida inteira se dedicando ao Senhor. Wynter Evans Pitts também escrevia para um blog, foi fundadora da revista For Girls Like You e era sobrinha do pastor Dr. Tony Evans.

Leia mais...

Pastores alertam para epidemia de suicídio e estimulam ações de prevenção 

Os casos recentes de suicídio mobilizaram lideranças evangélicas brasileiras e internacionais para alertar a Igreja sobre a necessidade de olhar atentamente para a saúde mental e emocional das pessoas à volta.

Silas Malafaia, pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) e psicólogo, usou o Twitter para compartilhar uma reflexão sobre o tema: “O ser humano não tem estrutura para ter uma vida com longos períodos de angústia, porque ela nos faz adoecer fisicamente. Deus, porém, é poderoso para nos livrar dela e trazer paz ao nosso coração. ‘Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia’ (Sl 46.1)”, escreveu.

O pastor aproveitou para comentar sobre um trabalho dedicado aos pastores e pensado como forma de prevenir casos como os registrados recentemente. “A campanha Setembro Amarelo tem o objetivo de prevenir o suicídio, que, infelizmente, tem atingido milhares de pessoas, inclusive pastores. Foi por isso que criei o Pastores Juntos, um projeto para caminharmos juntos e compartilharmos os desafios do ministério”, disse Malafaia.

Leia mais...

Escritor expressa preocupação com pregadores despreparados ministrando nas igrejas 

O conhecimento bíblico é indispensável para quem se propõe a divulgar a mensagem do Evangelho. No entanto, nos últimos anos, a Igreja tem assistido, e colaborado, com o surgimento de pregadores despreparados em termos teológicos, o que é um risco perturbador segundo o escritor cristão Daniel Juster.

Juster expressou sua preocupação em um artigo publicado pelo portal pentecostal Charisma News, alertando para o fato de que o carisma dos pregadores jovens pode ocultar a abordagem equivocada da Palavra, mas não pode impedir os efeitos nocivos da distorção do Evangelho.

“Hoje, estamos lidando com um problema significativo. Grande parte da teologia está sendo ensinada aos crentes pela pregação de estrelas da mídia e líderes da Igreja que eu chamaria de pregadores de baixa informação”, contextualizou o escritor. “Eles podem ter carisma, e eles podem até segurar bem uma multidão, mas às vezes dizem coisas estranhas e até mesmo heréticas”, destacou.

Leia mais...

Cristãos fazem campanha contra violência nas escolas: “A oração é a nossa maior arma” 

O momento não é de passividade! Esse é o pensamento do pastor Ronald Floyd, presidente do Dia Nacional de Oração dos Estados Unidos e líder da Cross Church. Ele decidiu fazer uma campanha de oração pelas escolas da sua região, após uma série de tiroteios que aterrorizou a comunidade e chamou atenção do mundo todo.

O pastor explicou que a posição da igreja evangélica diante da situação deve ser de confronto e não de passividade. Uma atitude, entretanto, que visa atingir o mundo espiritual.

“Às Escrituras nos dizem que nossa luta não é contra inimigos físicos, mas contra as forças espirituais do mal (Ef 6:12)”, explica o pastor.

“Isso é fundamental. Quando oramos, não estamos simplesmente pedindo a Deus que nos proteja de ataques violentos. Na verdade, estamos combatendo as forças malignas por trás desses ataques. A oração é a nossa maior arma contra o mal”, completa.

Leia mais...

Ministro do STF suspende lei que proibia erotização infantil e ideologia de gênero nas escolas

As discussões sobre a erotização infantil nas escolas vem sendo impulsionada pela campanha de Jair Bolsonaro (PSL) à presidência da República. Ao mesmo tempo, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu os efeitos práticos de uma lei que impedia o ensino ligado à ideologia de gênero nas escolas.

Na última terça-feira, 28 de agosto, Bolsonaro foi entrevistado no Jornal Nacional e expôs um livreto que integra a gama de materiais didáticos que vêm sendo usado, ao longo dos anos, nas escolas públicas. A recusa dos apresentadores do telejornal da TV Globo em mostrar o conteúdo do material despertou a curiosidade de diversos brasileiros desavisados sobre a realidade da erotização infantil patrocinada pelo governo.

Nesse mesmo contexto, o ministro Barroso – que defende a legalização das drogas e do aborto– decidiu conceder liminar suspendendo uma lei da cidade de Palmas (TO) que proibia o ensino sobre sexualidade e ideologia de gênero nas escolas públicas municipais.

Leia mais...

Ativismo ateu marcado por intolerância religiosa e perseguição já desembarcou no Brasil, diz teólogo 

O ativismo ateu, também tratado como neo-ateísmo, segue uma lógica particular de tentativa de convencimento de religiosos sobre a nãoexistência de Deus, mas também de “proselitismo”, já que tenta atrair quem esteja indiferente na discussão através de argumentos, a princípio, racionais, mas que terminam se traduzindo em perseguição religiosa.

O tema foi discutido no programa De Tudo Um Pouco, da Rede Super de Televisão, com o teólogo Rodrigo Silva, que definiu o neo-ateísmo como um “evangelismo às avessas”.

“Vemos o advento do ateísmo com força, e ele tem diferenças do ateísmo clássico, do século 18, 19 e início do século 20. Qual a diferença? O chamado neo-ateísmo é acima de tudo evangelizador, pois ele tem seus pregadores. […] Vários autores estão popularizando através de livros, querendo levar a juventude para essa ideologia ateia”, disse o teólogo.

Leia mais...

Quase 400 mil evangélicos deixaram a igreja na Alemanha em 2017, aponta relatório

O Cristianismo na Europa vem sofrendo algumas baixas já faz alguns anos. Isso não é novidade para analistas internacionais e lideranças religiosas que acompanham o comportamento das igrejas evangélicas e católicas no decorrer desse tempo, e mais um relatório estatístico divulgado em julho desse ano confirma essa realidade.

Conhecida pela sigla EKD, a Igreja Protestante na Alemanha informou que perdeu 390 mil membros em 2017, um número maior quando comparado à Igreja Católica, que perdeu 268 mil membros no mesmo ano, segundo as estatísticas apresentadas também pela Conferência Episcopal da Alemanha.

Esse número representa uma queda de 1,8%, restando de membros oficialmente registrados 21,5 milhões entre os 82,5 milhões de habitantes que a Alemanha possui.

Leia mais...

Púlpito não é lugar de política, mas de Palavra de Deus, dizem pastores sobre campanhas eleitorais

 

A prática de ceder espaço a políticos em época de eleições e transformar o púlpito em palanque ainda é muito comum nas igrejas evangélicas, fato que não é aprovado por grande parte dos fiéis. Por outro lado, a visão crítica sobre o assunto não significa que se busque uma alienação política dos membros das diversas denominações.

Nesse contexto, os pastores Giuliano Farias e Robson Gomes criticaram a forma como muitos políticos procuram as igrejas em busca de apoio. O assunto foi tema de debate no programa Bate Papo, da Rede Super de Televisão.

“Infelizmente, alguns candidatos – nem digo que são todos – nos procuram justamente nessa época e fica até mal. Se o sujeito está lá com você durante o ano e te visita, vai ao culto e tem esse contato… Mas se ele chega lá para pedir esse tempo justamente só na hora da eleição? Aí fica ruim”, afirmou o pastor Farias.

Leia mais...

“Os hinários serviram para um propósito maior”, defende autor sobre os hinos cristãos 

É impossível separar a história da igreja evangélica dos hinários. Tanto o “Cantor Cristão” quanto a “Harpa Cristã” fizeram e ainda fazem parte das cerimônias religiosas de muitas igrejas protestantes. Todavia, com o passar do tempo a tradição de inserir cânticos desses livros na programação dos cultos foi se perdendo e atualmente já não vemos presente em muitas denominações.

Com o objetivo de resgatar a memória e importância dos hinos cristãos, o autor Christopher N. Phillips escreveu um livro chamado The Hymnal: A Reading History (O Hinário: Uma História da Leitura), onde defende como os hinários ajudaram a fundamentar a doutrina cristã ao longo da história.

“Os hinários serviram para um propósito maior. Hinos de adoração alimentam a personalidade corporativa”, escreve Phillips. “Hinários estavam em todo lugar, não só na igreja, mas nas escolas e nos lares.”.

Leia mais...

Saiba quais foram as 10 maiores descobertas em arqueologia bíblica em 2012 

A cada ano dezenas de instituições realizam escavações arqueológicas nas terras citadas da Bíblia. Algumas dessas escavações chamam a atenção permitir organizar melhor informações importantes que nos ajudam a entender melhor o mundo bíblico em seu contexto social.

Em 2012 várias dessas descobertas foram feitas, e algumas delas foram listadas pelo Christian Messenger. 10 das mais importantes entre essas descobertas encontram-se listadas abaixo:

Leia mais...

Descoberta arqueológica comprova que Jerusalém foi destruída pelos Babilônios, há 2.600 anos

Cada vez que um buraco é cavado no Oriente, um ateu se converte no Ocidente”, diz o ditado popular comum entre os apologistas cristãos, referindo-se ao grande número de evidências e provas que a arqueologia bíblica revela, confirmando os fatos narrados pela Bíblia, tanto no Antigo Testamento quanto no novo.

Outra grande descoberta arqueológica que veio à tona esta semana vem para confirmar, mais uma vez, a inerrância das Escrituras Sagradas, ao revelar ruínas da época em que Jerusalém foi destruída pelos Babilônios em 587 a.C, cerca de 2.600 anos atrás.

O achado ocorreu no sítio arqueológico da Cidade de Davi, localizado no Parque Nacional dos Muros de Jerusalém, capital de Israel.  Vários artefatos raros foram encontrados, desde pedaços de cerâmica, escamas de peixe e ossos, até jarros de armazenamento com selos de uma roseta.

“Esses selos são característicos do final do período do Primeiro Templo e foram usados pelo sistema administrativo que se desenvolveu no final da dinastia da Judéia”, disse Ortal Chalaf e Joe Uziel, diretores de escavações da Autoridade de Antiguidades de Israel.

Leia mais...

‘Em Nome de Quem?’: jornalista lança livro sobre “projeto de poder” da bancada evangélica

O grupo de parlamentares identificado pela imprensa como “bancada evangélica” forma uma força de atuação que atrai muitos olhares e questionamentos. Em 2018, a jornalista Andrea Dip aprofundou uma reportagem que havia produzido em 2015 e a transformou em livro, expondo os políticos desse grupo a partir de um olhar crítico.

O livro Em Nome de Quem? é uma versão estendida da reportagem Os Pastores do Congresso, publicada em outubro de 2015 pelo portal A Pública, meses antes da conclusão do processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Agora, com o texto da reportagem atualizado e transformado em livro, Andrea Dip concedeu uma entrevista ao portal Metrópoles fornecendo pinceladas do que é possível encontrar em sua obra jornalística, e destacando que a proposta não é atacar os evangélicos (meio onde foi criada), mas apresentar a atuação dos políticos eleitos por esse segmento.

Leia mais...

Rabino afirma que várias profecias sobre Israel estão se cumprindo em nossos dias

Israel é a chave para a compreensão de inúmeras profecias bíblicas descritas no Antigo Testamento. O que acontece nesse país possui relação direta não apenas com o futuro dos judeus, mas também de toda a humanidade, algo que para o rabino Tuly Weisz é visível pelo cumprimento de algumas profecias em nossos dias.

“Acredita-se que o aumento na comunidade judaica tenha sido alimentado por membros que retornaram da diáspora (expulsões forçadas dos judeus pelo mundo). Além disso, a população judaica total chegou a seis milhões, trazendo um significado mais profundo, já que este era o número de judeus mortos no Holocausto”, disse Weisz.

O rabino se refere ao fato de que a população de judeus em Israel ultrapassou em 2018 o número de judeus que vivem fora do país, chegando a 6 milhões. Antes, a maior comunidade judia vivia na América. Para Weisz, esse é o cumprimento da profecia escrita em Ezequiel 34:13, como está escrito:

Leia mais...

Justiça proíbe que pastores e padres exerçam função de juiz de paz 

Uma determinação da Justiça estabeleceu um impedimento para que pastores evangélicos e padres católicos atuem como juízes de paz na celebração de casamentos.

O caso se estabeleceu em torno de uma lei estadual do Rio de Janeiro que permitia que os sacerdotes atuassem como juízes eclesiásticos de paz, com finalidade de celebrar as uniões matrimoniais.

De acordo com informações da jornalista Marina Caruso, d’O Globo, a decisão foi tomada após uma ação movida por uma entidade de classe: “Desembargadores do Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Rio julgaram inconstitucional a lei estadual 7.380, de 2016, que permite que pastores evangélicos e padres atuem como juízes eclesiásticos de paz. A ação foi proposta pela Associação dos Notários Registradores do Rio de Janeiro”.

Leia mais...

Escolas incentivam a ideologia de gênero para crianças de 6 anos e revoltam os pais 

A promoção da ideologia de gênero na sociedade está desafiando os pais das escolas escocesas. Um relatório recente mostrou que houve um aumento de 21% na procura de crianças por hospitais psiquiátricos, alegando problemas de disforia de gênero, ou “transtorno da identidade de gênero”, como também é chamado esse conflito de identidade sexual.Um dos dados que mais chamou atenção foi quando o Scottish Public Health Network, responsável pela publicação do relatório, afirmou que crianças com apenas 6 anos estão sendo encaminhadas para unidades especializadas, alegando confusão de “identidade de gênero”.

Isso contraria vários estudos e alertas de entidades como a Sociedade Americana de Psiquiatria, que afirma não ser possível constatar um conflito permanente de identidade de gênero de forma tão precoce, uma vez que cerca de 85% das crianças que alegam tal conflito se ajustam conforme o amadurecimento se não forem influenciadas.

Leia mais...

Policiais cantam tema do filme ‘Deus Não Está Morto’ e são ameaçados de processo por ateus 

Um grupo de ateus ativistas está ameaçando processar um grupo de policiais cristãos que entrou em uma gincana de dublagem interpretando a música-tema do filme Deus Não Está Morto. Mas a crítica aos policiais fez com que o vídeo ganhasse ainda mais repercussão, gerando uma onda de manifestações favoráveis.

A iniciativa de Dean Winter, chefe do Departamento de Polícia da cidade de Crandall, Texas (EUA), de produzir um vídeo com a dublagem da música da banda cristã Newsboys, começou com a simples motivação de participar da gincana #LipSyncBattle, muito popular entre os policiais do país.

O capricho na produção do vídeo, com os policiais uniformizados (uma forma de identificar onde trabalham), gerou reações positivas de milhões de internautas, com o material sendo republicado em diversos canais. No entanto, os integrantes da entidade ateísta Freedom From Religion Foundation (FFRF) viram na brincadeira uma ação de proselitismo religioso.

Leia mais...

Crise na Nicarágua registra mais de 440 mortos, e igrejas se unem em oração pela paz 

A crise política na Nicarágua está à beira de se transformar em uma guerra civil, com confrontos entre diferentes grupos de manifestantes e uso de força de repressão por parte do governo, liderado por Daniel Ortega desde 2007. Nesse contexto, as igrejas do país têm se colocado em posição de clamor a Deus pela restauração da paz.

Os conflitos começaram em abril, quando Ortega publicou um decreto modificando as regras da previdência, exigindo maiores contribuições de trabalhadores e empresários. A população foi às ruas, com trabalhadores, indígenas e estudantes unidos. A reação do governo foi violenta, mas os protestos resultaram em recuo do presidente a respeito do decreto.

No entanto, casos de corrupção e a insatisfação popular com a gestão Ortega fizeram com que os protestos continuassem, e a resposta, novamente, foi violenta por parte do governo. Em três meses, 448 pessoas já perderam a vida, incluindo uma estudante de medicina brasileira chamada Raynéia Gabrielle Lima, 30 anos, morta a tiros, de acordo com informações do G1.

Leia mais...

Em Londres, pregador é preso por ler a Bíblia em voz alta em frente a igreja

Um homem foi preso em frente à Catedral de São Paulo, em Londres, por ler a Bíblia em voz alta. Inicialmente, a Polícia pediu que ele se retirasse pois os administradores da igreja não queriam que ele atraísse tumultos, mas diante da recusa, ele terminou detido.

O episódio é icônico porque há quase 500 anos, o bispo de Londres queimou exemplares do Novo Testamento com comentários pastor protestante William Tyndale em frente ao templo. Agora, a leitura da Bíblia Sagrada voltou a causar polêmica na igreja.

Quando foi abordado pelo policial, o pregador de rua insistiu em continuar a leitura, uma vez que ele “não estava cometendo um crime”, segundo informações da emissora Christian Broadcasting Network (CBN).

Leia mais...

Pastor tem liberdade negada na Turquia, mas aproveita audiência para testemunhar sua fé 

O caso envolvendo a prisão do pastor americano Andrew Brunson ganhou um novo capítulo esta semana. Lideranças cristãs de várias partes do mundo aguardavam ansiosas o desfecho da audiência realizada na última quarta-feira, na expectativa de que o pastor fosse liberto da cadeia, mas para tristeza de todos não foi isso o que aconteceu.

Preso desde 2016 por acusações falsas de terrorismo, o justiça da Turquia negou mais uma vez o pedido de liberdade feito pela defesa de Brunson. Ele é acusado de cooperar com o líder muçulmano Fethullah Gülen, apontado como o responsável pela tentativa de golpe contra o presidente Recep Erdogan.

“O governo da Turquia continua ridicularizando a justiça quando se trata do pastor Brunson. Hoje eu esperava ver o juiz ordenar sua libertação completa e acabar com esse erro. As autoridades turcas ainda não forneceram uma boa razão para privar o pastor Brunson de sua liberdade”, declarou a vice-presidente da Comissão Internacional de Liberdade Religiosa dos Estados Unidos, Kristina Arriaga.

Leia mais...

Os propósitos de Deus são maiores que nossos sonhos, diz pastor da Bethel Church

O pastor Bill Johnson pregou um sermão sobre o poder da oração e a responsabilidade para com aquilo que pedimos a Deus. O líder da Bethel Church, em Redding, Califórnia (EUA), exortou os fiéis em Jesus a buscarem a Deus de todo o coração e estarem prontos para cumprir os propósitos designados para cada um.

Ana, mãe do profeta Samuel, foi usada pelo pastor como exemplo de alguém que alcançou o milagre através da oração, com muita luta espiritual. Nesse contexto, Johnson explicou que é preciso arcar com a responsabilidade que tal desígnio irá exigir.

“Você atrai a palavra do Senhor e se apega a essas promessas. Elas podem vir enquanto você lê as Escrituras ou então enquanto você escuta um sermão no culto. Talvez algum amigo possa te ligar e dizer que teve uma revelação sobre você. Agora você tem uma responsabilidade, pois Deus anunciou seu propósito. Ele anunciou o seu destino, mas não o garantiu. Ele só vai realizar se você tiver um coração parecido com o de Ana que clamou pelo seu filho. Ela clamou até que foi capaz de tocar o coração de Deus. Ela queria um filho e Deus queria um profeta”, explicou o pastor.

Leia mais...

Com estratégia de evangelismo boca a boca, cubanos estão se convertendo ao Evangelho 

Cuba é um dos poucos países no mundo que ainda é controlado pela ideologia comunista. Como resultado, a liberdade religiosa no país é policiada e a realização de cultos, bem como atividades evangelísticas e distribuição de literaturas cristãs são regulamentadas pelo Governo.

Apesar disso, os cristãos de Cuba estão colocando em prática uma estratégia simples, porém, a mais coerente quando se trata de evangelismo, que é o testemunho através de suas vidas e dos relacionamentos interpessoais.

Eles evangelizam boca a boca, demonstrando uns para os outros como é servir a Jesus Cristo na prática, segundo relatos de Helen Williams, da World Missionary Press, uma editora que distribui livros cristãos traduzidos para mais de 340 idiomas.

“Os cubanos estão ouvindo testemunhos maravilhosos de Deus trabalhando no coração do povo. As pessoas estão sendo salvas. E as que adoravam outros deuses estão levando seus ídolos de metal para jogá-los no rio”, disse ela, após receber informações de um contato da sua empresa que atua no país.

Leia mais...

“Há um chamado de adoração nesta nação”, diz pastor americano em visita ao Brasil 

Durante uma pregação na Igreja Batista da Lagoinha, o pastor Mike Bickle, fundador da Casa Internacional de Oração de Kansas City, no Missouri, Estados Unidos, disse que o Brasil será uma Nação que vai impactar o resto do mundo através do seu avivamento espiritual.

“Há um chamado de adoração neste país que não tem igual em nenhuma outra nação da terra”, disse ele, quando esteve em nosso país em junho, junto com outros 20 missionários.

“Estou fazendo isso pra Jesus, mas também porque quero ver essas pessoas no Reino. Temos uma convicção muito grande de que vai acontecer um avivamento no Brasil que vai tocar todos os cantos da Terra”, acrescenta o pastor.

Leia mais...

Invertendo a lógica, cristãos africanos enviam missionários para evangelizar a Europa 

Séculos atrás, a Europa enviou missionários cristãos a continentes como África e América do Sul, e agora, com a secularização do Velho Continente, o movimento inverso vem sendo registrado, com pregadores africanos sendo enviados para pregar o Evangelho.

Em 1989, o pastor Harold Warner enviou o missionário Alvin Smith a Serra Leoa, e três décadas depois, a igreja fundada inicialmente se multiplicou em outras 80, alcançando os vizinhos Libéria, Guiné, Gâmbia, Senegal, Togo, Benin, Congo, Burkina Faso e Costa do Marfim, além de sustentarem três missionários na Europa.

“Levar as pessoas, levar jovens, homens e mulheres de um dos países mais pobres do mundo e ver Deus dizer: ‘Eu vou moldar esses missionários porque eles vão realizar o meu propósito não apenas em sua própria nação, mas também além das fronteiras’ é um dos maiores privilégios da vida. Eu apenas sento e sorrio, porque isso tem que ser Deus”, comentou o pastor Warner, de acordo com informações do God Reports.

Leia mais...

Estudantes cristãos serão deportados da Rússia por participarem de culto em cidade-sede da Copa

Estudantes cristãos serão deportados da Rússia por participarem de culto em cidade-sede da CopaEnquanto a Copa do Mundo acontece, a repressão antimissionária na Rússia está aumentando e alvejando principalmente os cristãos protestantes. Esse alerta partiu de um grupo de direitos humanos que trouxe luz ao caso de dois estudantes africanos que serão deportados por terem sido filmados em um culto na cidade de Nizhny Novgorod.

O Serviço Federal de Segurança da Federação Russa multou a igreja Jesus Embassy (“embaixada de Jesus”) à qual os estudantes pertenciam. Os alunos foram informados de que deveriam deixar o país até o final do mês, informou o Forum 18, um grupo norueguês que promove a liberdade religiosa.

advogado da União Pentecostal, Vladimir Ozolin, disse que as acusações de atividades missionárias ilegais, aparentemente por vídeos de cultos em que os estudantes compareceram, são “completamente ilegais”, no entanto.

Leia mais...

Aborto é “homicídio uterino”, diz jurista, relatando que fetos tentam se defender da morte

 

O jurista Ives Gandra da Silva Martins falou sobre o aborto em uma entrevista ao programa Academia em Debate, da Universidade Presbiteriana Mackenzie, e defendeu os conceitos jurídicos que embasam a legislação de proteção à vida presente na Constituição Brasileira, e não titubeou ao afirmar que trata-se de uma prática de “homicídio uterino”.

A entrevista de Ives Gandra – um dos mais respeitados juristas brasileiros – foi concedida ao reverendo Augustus Nicodemus Lopes em 2012. O tema abordo surgiu por conta das propostas que já se faziam à época para mudança na legislação, com propósito de descriminalizar a chamada “interrupção da gravidez”.

Na conversa, Ives Gandra citou que o conceito legal de que a vida se inicia na concepção é baseado em pesquisas científicas, e que num debate realizado no Supremo Tribunal Federal, apresentou dados que corroboram essa conclusão produzidos pela Pontifícia Academia de Ciências do Vaticano, que é formada por 80 cientistas e, dentre os quais, 29 são ganhadores do Prêmio Nobel.

Leia mais...

30% dos cristãos compartilham sua fé nas redes sociais, alcançando incrédulos, diz pesquisa 

30% dos cristãos compartilham sua fé nas redes sociais, alcançando incrédulos, diz pesquisaQuase três em cada dez cristãos compartilharam sua fé com amigos e conhecidos não-cristãos nas redes sociais. Essa é a constatação de uma pesquisa realizada pelo instituto Barna Group, dos Estados Unidos.

O estudo faz parte de uma iniciativa da Lutheran Hour Ministries, que encomendou ao Barna Group a entrevista de adultos sobre como eles discutem e compartilham a fé nas redes sociais.

O relatório mostrou que 28% dos entrevistados cristãos relataram compartilhar sua fé com não-cristãos nas redes sociais, assim como 58% dos entrevistados não-cristãos relataram que haviam recebido alguma manifestação de fé no mesmo ambiente.

“Através de posts, comentários e perfis, muitos cristãos acreditam que a tecnologia e as interações digitais tornaram o evangelismo mais fácil”, observou o comunicado divulgado na terça-feira pelo Barna Group. “Ainda assim, as conversas espirituais estão carregadas na era digital, e as gerações mais jovens estão entre as mais cautelosas quanto ao engajamento”, acrescentou o documento.

Leia mais...

Jogadores adversários se ajoelham em oração ao final de partida na Copa e emocionam fãs

0SHARES

A FIFA tem uma postura de repressão às manifestações religiosas dentro de campo, mas uma imagem de dois adversários orando em gratidão a Deus por concluírem a partida na Copa do Mundo sem maiores sobressaltos se tornou o centro das atenções em diversos veículos de mídia.

O atacante Romelu Lukaku, 25 anos, e o zagueiro Fidel Escobar, 23 anos, defenderam, respectivamente, Bélgica e Panamá na última segunda-feira, no duelo vencido pelos europeus por 3×0.

Ao final do jogo, o belga – que atua pelo Manchester United e é visto com um futuro promissor no esporte – se ajoelhou em campo para orar, e ao seu lado, o zagueiro panamenho – que atua pelo New York Red Bulls, nos EUA – fez o mesmo gesto.

Leia mais...

Com câncer avançado, cristã sonha com Jesus salvando-a e acorda curada 

O testemunho de Tecla Miceli, uma italiana radicada nos Estados Unidos, mostra o valor da perseverança aliada à fé na luta contra uma doença. Ela sofreu de um mieloma múltiplo, um câncer que age nas células plasmáticas na medula óssea.

Criada no catolicismo, Miceli se converteu à tradição protestante por influência dos filhos, que são membros de uma igreja evangélica na Califórnia. Quando foi a um culto com eles pela primeira vez, foi impactada pela mensagem e entregou sua vida a Jesus.

“Eu aceitei a Cristo, mas não sabia o que estava fazendo. Eu voltei para casa me sentindo diferente. Eu nunca mais quis pecar novamente”, contou Miceli ao God Reports. A descoberta do câncer ocorreu após esse episódio, mas ela informou aos filhos, Gary e Laura, que não queria fazer quimioterapia.

Três anos depois, tratando a doença com medicamentos alternativos, os médicos descobriram um salto alarmante na quantidade de células cancerígenas. No entanto, Tecla Miceli afirmou que em nenhum momento perdeu a fé.

Leia mais...

Sem cultos, Seleção se prepara para a Copa e jogadores expressam fé nas redes sociais 

A Seleção Brasileira tem, desde 2016, uma diretriz que proíbe a realização de cultos entre os jogadores, na concentração. Não há vetos a reuniões realizadas nas folgas, fora do ambiente de trabalho. E na Copa do Mundo da Rússia, não vai ser diferente.

No último domingo, 03 de junho, a Seleção disputou um amistoso contra a Croácia e venceu por 2×0. Autor de um dos gols, Neymar usou as redes sociais para expressar sua gratidão a Deus por ter voltado de lesão sem maiores sobressaltos: “Para Ti toda honra e toda glória, meu Deus”, escreveu o atacante.

Além de Neymar, outros jogadores são evangélicos. O goleiro Alisson, titular sob o comando de Tite, deixa como referência em sua bio no Instagram a frase “Deus é Fiel”. O zagueiro Thiago Silva, capitão da Seleção em 2014, usou sua página para publicar uma foto do tratamento com gelo após o jogo de domingo e afirmou: “Deus no controle”.

Leia mais...

Evangélico consegue mudança de nome na Justiça para se livrar de referência pagã 

Uma ação na Justiça permitiu a um jovem evangélico de 19 anos mudar seu nome de Sadraque para Daniel. Sua motivação era livrar-se do nome de batismo, que é mencionado na Bíblia como um nome pagão, dado a um dos companheiros de Daniel pelos babilônios.

Agora Daniel de Oliveira Araújo, o jovem se disse muito feliz com a conquista. A decisão que permitiu sua mudança foi anunciada no último dia 25 de maio. “Daniel significa ‘o Senhor é meu juiz’, ‘Deus é meu juiz’. O nome Daniel tem origem no hebraico Daniyyel e é formado pela junção dos elementos dan, que significa literalmente ‘aquele que julga, juiz’, e El, que quer dizer ‘Senhor, Deus'”, explicou.

Morador de Gurupi, no estado do Tocantins, Daniel sabe que agora terá que contar com o tempo para que as pessoas se acostumem a chamá-lo por seu novo nome. Mas, isso não o incomoda, porque Sadraque era fonte de constrangimento para ele.

Leia mais...